3 Benefícios dos cartões de crédito que podem sair caros

|Posted by | Cartão de Crédito, Todos os Artigos
Tags: , , , , ,

3 Benefícios dos Cartões de Crédito que Podem Sair CarosAs vantagens de ter um cartão de crédito podem ser inúmeras – desde seguros a ganhar viagens, a ter descontos em restaurantes e até a receber dinheiro de volta em cashback -, mas importa estar bem informado na hora de conseguir a melhor solução, pois “não há almoços grátis”. Para que os benefícios não se tornem num peso financeiro e numa dor de cabeça, o melhor é continuar a ler.

Pagar a dívida do cartão de crédito a tempo e horas permitir-lhe-á ter acesso a um conjunto de vantagens que o premiará pelos seus gastos e que depois se poderá converter em serviços para si. O importante é que esses benefícios dos cartões de crédito não sejam um desafio para os obter e poder desfrutar deles. Vejamos como se precaver.

Benefícios dos cartões de crédito: férias à grande e à portuguesa?

Um dos principais benefícios dos cartões de crédito com milhas aéreas reside nos excelentes programas de fidelização que geralmente possuem. Por cada euro gasto, ganhar entre uma a duas milhas, é mais do que um incentivo para usar o cartão.

Mas atenção que, neste caso, tudo depende muito das férias que escolher. A Daniela, que trabalha como gestora de comunicação no Porto, tem um cartão com milhas aéreas que usou no ano passado para depois poder desfrutar dos pontos acumulados num cruzeiro pelas capitais escandinavas com o namorado.

O problema é que esta viagem com que ela sonhava era tão cara que o programa de milhas aéreas não compensou. Como apenas usou o cartão para pagar o tablet, que custou 130 euros, acabou por poupar apenas 130 euros numa viagem de mil euros. E agora perguntaria: qualquer poupança não é bem-vinda? Sim, é. Mas também é importante que não fique desiludido. Quanto mais usar o cartão, mais conseguirá aproveitar as regalias.

Seguro de viagem do cartão vs assistência em viagem

Imagine que, na pesquisa por um cartão de crédito, ao avaliar as diferentes condições, descobre que existe um que inclui seguro de viagem, que era mesmo o que precisava, até porque não pertence a um clube automóvel XPTO.

Porém, há um aspeto que precisa de ter em atenção: existem seguros de assistência em viagem, associados aos cartões, que apenas cobrem o consumidor em viagens como passageiro num transporte público ou num carro alugado e não em avarias com a sua própria viatura. Além disso, implicam que pague o aluguer do veículo ou o bilhete de transporte com o cartão.

Estes seguros geralmente incluem: invalidez permanente ou morte; despesas médicas de urgência; perda e/ou atraso na bagagem; atraso e/ou cancelamento de voo; responsabilidade civil (por danos causados a terceiros). Em nenhuma destas regalias está contida a assistência em viagem com direito a reboque e ao táxi que as companhias de seguros prestam a quem tem um seguro automóvel.

Imagine o que seria ter uma emergência com o automóvel em viagem e precisar de pagar o reboque à parte, o que pode custar 50 euros ou 60 euros só para uma distância de 25 quilómetros. Neste âmbito, há que compreender bem as diferenças.

Atirar o telemóvel para a banheira não vale!

Um dos também apelativos benefícios dos cartões de crédito centra-se nos seguros para equipamentos eletrónicos. Aproveitando a onda do lançamento do último iPhone 7, imagine que iria comprar este smartphone e que o pagaria com o cartão de crédito. Automaticamente teria direito ao seguro.

Esta proteção geralmente cobre: roubo, danos acidentais e utilização ilícita do telemóvel. É claro que, para quem já tiver este produto incluído no cartão, não compensa estar a contratar um seguro da loja à parte (como se faz na FNAC, na Rádio Popular ou na Worten, por exemplo). Mas existe uma advertência a fazer.

Se quiser um telemóvel novo porque perdeu o seu, só lhe darão outro em caso de roubo e terá de apresentar o relatório da polícia que prova que fez queixa. Caso contrário, nada feito. E se, em decorrência de ter acidentalmente deixado o equipamento cair numa poça de água, não é sempre certo que lhe darão um novo. Ainda assim, é melhor ter esta proteção do que não ter.

Portanto, basta que mantenha realistas as suas expetativas. Os benefícios dos cartões de crédito são efetivamente muitos – podem ajudá-lo a pagar as suas férias, a proteger o seu novo portátil de danos acidentais e a prevenir-se de imprevistos (como perder o avião ou as malas) quando viajar.

Se tiver o cartão e não der uso, não conseguirá usufruir das respetivas regalias, até porque a maior parte dos serviços oferecidos só são válidos se fizer a compra com o mesmo. Portanto, quando for escolher o seu, o melhor é comparar todas as vantagens e escolher o que mais se adequa ao seu perfil:

Nair Dos Santos

Sobre Nair Dos Santos

Especializada em Economia Internacional, a Nair iniciou o seu percurso profissional em Marketing Institucional. Alia a sua criatividade ao universo financeiro com o objetivo de ajudar os portugueses a melhorar a sua literacia financeira e contribuir para o desenvolvimento de uma economia sustentável.

Comentários