O que procura um Millennial num seguro de saúde?

|Posted by | Seguros, Todos os Artigos
Tags: , , , , , ,

Seguro de saúde

No passado mês de fevereiro, saíram os números do estudo Basef Seguros da Marktest, que indicam que as subscrições de seguros de saúde são atualmente as mais elevadas da última década – a percentagem de beneficiários cresceu 3% de 2014 para 2015. Segundo a Associação Portuguesa de Hospitalização Privada (APHP), registou-se um aumento de quase um milhão de consultas e de urgências nos hospitais privados, em 2015. Todavia, atendendo aos dados de um outro estudo, este por parte da Adecco, apenas 1% dos Millennials se preocupa com o facto de não terem esta proteção. Afinal, o que procura um Millennial num seguro de saúde?

Pode concluir-se que este produto é apelativo somente para famílias? Para um Millennial, quão importante será e quais as especificidades que deverá ter? É neste sentido que o ComparaJá.pt realiza uma análise da importância de um seguro de saúde para a Geração Y através das seguintes questões:

  • Quais são as necessidades dos jovens na saúde?
  • Quais as vantagens de um seguro destes para um Millennial?
  • Como procurar e comparar?
  • Qual a oferta do mercado?

Para dar resposta às mesmas, traçou-se o perfil de um rapaz de 29 anos, solteiro, com emprego e, por conseguinte, financeiramente estável a auferir um rendimento mensal fixo de mil euros líquidos.

Uma questão de necessidade?

Em busca de uma saúde de ferro estão as idas frequentes ao ginásio, a moda do trekking e das corridas à beira-mar. Mas os Millennials também sofrem de stress com os seus empregos e com todas as expetativas de carreira às quais têm de corresponder numa conjuntura económico-social adversa.

Não seria de admirar que, cada vez mais, viessem a sofrer repercussões ao nível do seu bem-estar. Note-se que estamos perante uma geração representativa de um processo de transição e cujas prioridades diferem substancialmente da anterior.

Vantagens de adquirir um seguro de saúde

Se para um agregado familiar poderá compensar contratualizar um seguro de saúde que abranja crianças e adultos, o que poderá levar um jovem, especialmente se ele for saudável, a investir nesta proteção?

Desde logo, note-se que os seguros de saúde abrangem diferentes especialidades, para além de poderem cobrir ainda doenças preexistentes à contratação. Só na contabilização das características particulares de cada pessoa é que a mesma poderá avaliar o que mais lhe convém.

Por cada prestação de cuidados médicos que seja necessária e que não é abrangida pelo Serviço Nacional de Saúde (SNS) gera-se um montante de despesas avultado a pagar. Sem seguro, cada consulta ou tratamento ficará num preço muito superior àquele que é coberto pelo mesmo. Poupar tempo e dinheiro são assim, por si só, benefícios valiosos.

Como procurar e comparar?

Passo 1: conhecer as suas especificidades

É muito provável que um Millennial que usa óculos procure um seguro que abranja consultas de oftalmologia e cobertura no valor das lentes. Da mesma forma, para investir na sua imagem, desejará pôr aparelho nos dentes. Suponha-se ainda que o mesmo nasceu com um estômago sensível. Cada indivíduo é diferente e só ele saberá quais as necessidades que quer satisfazer com o seu seguro.

Passo 2: dominar seis conceitos essenciais

  • Prémio – prestação paga pelo segurado à entidade seguradora aquando da emissão da apólice
  • Apólice – documento que a seguradora emite para formalizar o contrato de seguro
  • Copagamento – valor definido concretamente para cada despesa de saúde, ficando esse montante sempre a cargo da pessoa segurada
  • Período de carência – espaço de tempo que decorre entre a contratação do seguro e a possibilidade de se iniciar a utilização do mesmo
  • Rede – conjunto de hospitais, médicos, laboratórios e afins que têm acordos com seguradoras
  • Assistência ambulatória – serviço que inclui consultas médicas de clínica geral ou de especialidade e ainda tratamentos, exames e métodos de diagnóstico

Passo 3: comparar opções

Preocupados com a sua independência económica e na senda do low cost (que tanto os identifica), os Millennials serão tentados a olhar primordialmente para o preço. A melhor opção muitas vezes não passa pelo montante mais reduzido do prémio, devendo, ao invés, haver um enfoque naquele pacote que cobre todas as necessidades do indivíduo pelo valor máximo que ele está disposto a pagar – a oferta e a procura a gerarem o preço de equilíbrio. Há que ter ainda em conta a possibilidade de baixar o valor do prémio se praticar desporto e o acesso a uma rede de cuidados de bem-estar com desconto em spas e ginásios, por exemplo.

Passo 4: decidir o modo de pagamento

Pode ser feito através de um destes dois sistemas: direto (liquidando-se um prémio anual, mensal, trimestral ou semestral) ou de reembolso (sendo o segurado que paga as despesas que efetuar nos hospitais, clínicas e laboratórios da rede e as mesmas depois são comparticipadas pela seguradora). Note-se que este tipo de seguro é dedutível no IRS em 15% com um limite máximo global, em termos de valor, de mil euros.

Oferta disponível no mercado

A ter em consideração que um Millennial estará interessado num seguro de saúde mais acessível financeiramente e que, por isso, esta análise se afunilou para os produtos mais baratos, pode concluir-se que a oferta do mercado anda em torno de 110 euros a 130 euros anuais. Convém salientar ainda que o valor do prémio difere consoante múltiplos fatores: idade; peso; altura; doenças crónicas; prática de desporto.

Para corroborar esta tendência, realizaram-se três simulações para o perfil traçado, analisando a opção mais económica de cada seguradora:

Operadora MÉDIS – Plano de saúde individual Opção 1 MULTICARE – Plano Activo GROUPAMA SEGUROS – Plano de Saúde Light
Hospitalização 15.000€ 50.000€ 25.000€
Subsídio diário em internamento Não incluído Não incluído 50€
2ª Opinião Médica Incluído Incluído Não incluído
Parto Incluído com acréscimo de valor Não incluído Não incluído
Assistência ambulatória Incluído com acréscimo de valor Incluído em medicina física e reabilitação + terapia da fala Incluído
Estomatologia Não incluído Incluído Incluído
Comparticipações dentro da rede 100% Percentagem variável 100%
Comparticipações fora da rede 35% Não incluído 60% em assistência hospitalar, ambulatória e estomatologia. 100% em taxas moderadoras SNS
Copagamentos 10% em hospitalização (mínimo: 200€; máximo: 500€) Percentagem variável 10% (mínimo: 250€; máximo: 500€)
Cobertura internacional Não incluído Incluído Incluído
Medicina preventiva Não incluído Incluído (check-up de 2 em 2 anos) Não incluído
Acesso a cuidados de bem-estar Não incluído Não incluído Incluído
Seguro proteção ao pagamento Não incluído Incluído Não incluído
Assistência em viagem Não incluído Não incluído Incluído
Período de carência 90 dias Variável 60 dias
Desconto para desportistas Não incluído Incluído 12% Não incluído
PRÉMIO ANUAL Apenas com hospitalização: 114,78€ e com parto e assistência ambulatória: 554,26€ 118,08€ 112,44€
  • Médis | Plano de saúde individual – Opção 1: com cobertura ao nível nacional, hospitalização até 15 mil euros, serviço de 2ª opinião médica, bem como comparticipações de 100% dentro da rede, 35% fora da rede e co-pagamentos de 10%, o montante do prémio anual é de 114,78 euros. Porém, se incluir parto (para uma mulher) e assistência ambulatória, este valor escala para 554,26 euros.
  • Multicare | Plano Activo: já com um capital de internamento hospitalar de 50 mil euros e uma série de coberturas – ambulatório de medicina física; terapia da fala; estomatologia; 2ª opinião; extensão ao estrangeiro; medicina preventiva (check-up de 2 em 2 anos); seguro de proteção do pagamento em caso de desemprego involuntário, internamento hospitalar, morte e invalidez – aos quais acresce um desconto de 12% para quem pratica desporto, o prémio anual é de 118,08 euros.
  • Groupama Seguros | Plano de Saúde Light: com assistência hospitalar até 25 mil euros (abrangendo internamento, grande cirurgia, subsídio diário de 50 euros e 100% de comparticipação nas taxas moderadoras do SNS), assistência ambulatória, estomatologia e cuidados de bem-estar dentro da rede, este seguro difere dos anteriores ao abarcar ainda consultas ao domicílio, transporte de urgência, assistência telefónica e em viagem, sendo o seu prémio de 112,44 euros por ano.

Notas conclusivas

Um seguro de saúde proporciona segurança e alívio para um Millennial que, pagando aquele valor fixo, não terá preocupações financeiras se adoecer. Ele vai procurar algo mais barato, mas que cubra o essencial daquilo que são as suas preocupações individuais.

Além disso, existe ainda a possibilidade de contratar planos de saúde completamente personalizáveis, adaptados à realidade de cada indivíduo, à medida das suas necessidades, construídos pelo próprio segurado – o que representa claramente uma inovação na relação do consumidor com a área da saúde e que pode ser bastante atrativo para um Millennial. Portanto, trata-se claramente de um investimento que vale a pena.

Nair Dos Santos

Sobre Nair Dos Santos

Especializada em Economia Internacional, a Nair iniciou o seu percurso profissional em Marketing Institucional. Alia a sua criatividade ao universo financeiro com o objetivo de ajudar os portugueses a melhorar a sua literacia financeira e contribuir para o desenvolvimento de uma economia sustentável.

Comentários