Menu
Ligue
Ligue 211 165 765 Seg - Sex: 10h às 19h

Tv net voz

Qual o melhor tarifário de telemóvel para si: o pré ou o pós-pago?

Por Henrique Figueiredo em October 27, 2017 | Tempo de leitura: 5 minutos

melhor tarifário de telemóvel
Escolher o melhor tarifário de telemóvel nem sempre é algo fácil. A oferta é tão variada que saber qual é a que mais se coaduna com o seu perfil pode tornar-se, por vezes, um “bicho de sete cabeças”. E, depois, há uma série de variáveis a considerar: quantos dados móveis deseja ter? Faz muitas chamadas? Prefere mensagens? Ouve música ou gosta mais de navegar no Facebook?

Enfim, são uma série de questões que – só quando respondidas – permitem saber qual é o melhor tarifário para cada pessoa. No entanto, no meio de todos estes fatores, há um que se destaca: o tipo de tarifário. A principal escolha opõe os pré-pagos aos pós-pagos. Mas afinal qual é a diferença? Este artigo responde a essa questão.
Leia mais: O que compensa mais: mudar de tarifário ou de operadora?

No melhor tarifário de telemóvel… prefere ir carregando ou ter contrato?

Aquela questão que todos já nos devemos ter perguntado: afinal qual a diferença entre um tarifário de telemóvel pré-pago e outro pós-pago? Tudo se prende com a forma de utilização, do contrato e do pagamento.

Provavelmente os mais jovens já não se recordarão, mas os tarifários pré-pagos tendiam a ser bastante populares há uns anos. No entanto, e apesar de ainda representarem uma parte importante do mercado, de há uns anos para cá tudo tem mudado. Nos primeiros três meses de 2016, e pela primeira vez, o número de clientes com telemóveis pré-pagos atingiu menos de 50% do total do mercado.

Mas, afinal, como funciona este tarifário de telemóvel? Grosso modo, da seguinte maneira: vai utilizando à medida que vai renovando o saldo disponível. Por exemplo, credita 10 euros neste tarifário, o que lhe dá para um certo número de chamadas, uma certa capacidade de aceder a dados móveis e assim em diante com os diferentes serviços. Acabando esse plafond, terá que recarregar de novo. Mas atenção: mesmo aqui ainda há a opção de escolher entre o tarifário com ou sem carregamento obrigatório.
Descubra: Como escolher o melhor tarifário com internet móvel?

Já com os pós-pagos, os mais populares funcionam com uma espécie de assinatura. São os tarifários contratuais (com fidelização ou não) que se têm tornado cada vez mais populares: paga um certo valor mensal e tem acesso, durante esse período, a um rol de minutos, dados móveis e SMS renováveis mensalmente. Mas também existe outra opção, aconselhável apenas a quem sabe que consegue controlar os gastos no telemóvel: assinatura mensal em que gasta “à vontade” e no fim do mês recebe a conta.

E afinal qual é o melhor tarifário de telemóvel para si?

Antes de decidir sobre qual o melhor tarifário de telemóvel, deve apurar onde se enquadra o seu perfil de consumidor: se utiliza o telemóvel com frequência, pretende juntar o seu telemóvel a um pacote de telecomunicações mais abrangente, dá primazia aos dados móveis, etc.

Se é alguém que não faz grande consumo no seu telemóvel, então o tarifário pré-pago (que lhe permite limitar os gastos ao que de facto usa) pode ser a melhor opção. Carrega e faz o uso que tiver que ser feito.
Saiba mais: Mudar de operadora: tudo o que deve saber
Mas se, por outro lado, utiliza o seu telemóvel com frequência para uma série de coisas, então talvez o melhor tarifário de telemóvel para si seja um pós-pago. E pode ir mais além. Há pacotes com outros serviços incluídos (televisão, internet e telefone) que também podem levar à inclusão de telemóvel. E, ao proceder à sua comparação, pode conseguir preços bastante apelativos.

Portanto, já sabe: antes de decidir sobre qual o género de tarifário que vai escolher, avalie as suas reais necessidades. Só assim pode acertar “na mouche” e encontrar o melhor tarifário de telemóvel que também seja o que melhor o sirva.

Encontre o pacote TV Net Voz mais adequado para si.

Compare mais de 400 pacotes de telecomunicações.