Facilitamos a sua escolha ao agregar todas as ofertas existentes no mercado

Simule e poupe em 3 passos

Porquê o ComparaJá.pt?

100% gratuita
Rápida e simples
Imparcial e independente

O ComparaJá.pt é o portal de referência dos portugueses na hora de escolher os melhores produtos financeiros para o seu perfil e necessidades. A nossa plataforma apresenta informações atualizadas e fidedignas de uma forma transparente e descomplicada.

Testimonial person
Foi através do ComparaJá.pt que consegui rapidamente comparar todas as ofertas de mercado e escolher a oferta que mais se enquadrava com o que pretendia.
Diogo Antunes, 29 anos, Montijo
customerpromise.alt

Consiga as melhores condições no seu Cartão de Crédito

Procura uma almofada financeira? Ou capital extra para investir na sua educação, renovar a casa ou fazer aquelas férias de sonho? Aproveite as promoções exclusivas das melhores instituições de crédito em Portugal, conhecendo as condições das várias ofertas no mercado. Solicite online o produto que vai ao encontro das suas necessidades e possibilidades financeiras, realizando os seus projetos através do ComparaJá.pt.

FAQ Cartão de Crédito

Os cartões de crédito premium têm limites de crédito aparentemente ilimitados. São um símbolo de status que, geralmente, aparecem relacionados às palavras Gold ou Platinum. Além dos limites de crédito muito elevados, também têm alguns benefícios premium: tratamento VIP no atendimento ao cliente e benefícios de viagem, tais como serviço de limousine e acesso aos luxuosos lounges dos aeroportos, assim como ofertas comerciais exclusivas. Devido a estes benefícios, os cartões de crédito premium são muito procurados. No entanto, não é qualquer cliente que consegue obter um destes.
Existem bastantes vantagens na acumulação de pontos, cujas ofertas são mais alargadas e superiores em relação a um cartão de crédito normal. Depois, os cartões de crédito premium também se destacam ao nível de seguros de viagem e outras coberturas. Especificamente em seguros de viagens, os capitais seguros estão normalmente relacionados com acidentes pessoais em viagem, responsabilidade civil, danos ou extravio de bagagem, cancelamento ou redução de viagem ou, ainda, reboque do veículo. Em caso de assistência em viagem, as coberturas focam-se em despesas médicas, transporte ida e volta e estadia familiar, prolongamento de estadia, envio de medicamentos para o estrangeiro e transporte ou repatriamento de falecidos e das pessoas seguras. Porém, também existe outro tipo de coberturas importantes que não estão relacionadas com viagens, como é o caso de proteção ao crédito, proteção às compras, roubo, roubo em ATM ou roubo de documentos.
A gama premium nos cartões de crédito não está acessível a todos os bolsos. Esta gama é mais comum e recorrente para profissionais que auferem um salário elevado, sendo que este tipo de cartões podem estar normalmente associados a plafonds ilimitados e a distinção entre Gold e Platinum/ Silver. No entanto, cada vez mais existe um leque de cartões de crédito premium cuja anuidade apresenta um valor mais acessível. Uma vez mais, é tudo uma questão de princípio e racionalização: se utiliza frequentemente o cartão de crédito para viajar, faz sentido apostar na gama premium, visto que muitos funcionam com milhas aéreas que mais tarde podem ser revertidas em viagens por todo o mundo.
As condições de acesso a este tipo de cartões de crédito são mais exigentes do que com os outros cartões. Porém, vai sempre depender do banco, do perfil do cliente e do cartão. O rendimento mensal do utilizador é um dos principais critérios, mas o grau de envolvimento que um cliente já possui com o banco também poderá ser um fator a ponderar.
Todos os cartões de crédito vêm com um plafond, isto é, o montante máximo disponível para os portadores do cartão. Este valor é variável e estipulado consoante os rendimentos do cliente, podendo aumentar (ou diminuir) consoante o tempo de utilização do cartão de crédito.

Assim, se o plafond que tinha no cartão não é suficiente para fazer face a todas as despesas nas férias, pode pedir a reavaliação ao banco. No entanto, apesar de ser possível aumentar o plafond, é preferível fazê-lo algum tempo após ser cliente e utilizar o cartão. Aliás, alguns bancos aumentam o plafond após algum tempo de utilização mesmo que os clientes não solicitem.
Os bancos têm tendência a oferecer melhores condições a clientes antigos e que utilizem o cartão de crédito mais frequentemente, pois são clientes que dão mais lucro ao banco e já têm provas dadas que são pagadores exemplares. Assim, caso pretenda um aumento de plafond, é recomendável utilizar o cartão de crédito durante uns meses (mais de seis) e apenas após esse período solicitar o aumento de plafond.

Para ter mais possibilidades de o banco aumentar o plafond do cartão, comece por seguir as seguintes dicas:
Cumpra as datas de pagamento – no caso de ter pagamentos em atraso, o banco pode considerá-lo um risco e recusar o aumento de plafond;
Utilize (bem) o cartão – quanto mais uso der ao cartão, mais juros paga e mais o banco ganha, sendo mais provável que aumente o plafond no sentido de aumentar as receitas do banco;
Seja um cliente antigo – a antiguidade é algo que os bancos têm sempre em consideração, por isso, quanto mais tempo for cliente sem incidentes, mais facilmente consegue um aumento de plafond.
Entre comissões e taxas nos cartões de crédito em Portugal, encontram-se anuidade, juros, comissões por pagamento e levantamento, seguros, custos de emissão, juros de mora, entre outros.
A TAEG é um ótimo indicador para comparar o custo total do financiamento inerente ao cartão de crédito porque, para além de incluir encargos com juros, despesas de processo e comissões, engloba igualmente os custos do seguro do crédito, caso exista.

Por outro lado, a TAN, tal como o nome indica, é uma taxa anual utilizada em operações que envolvam o pagamento de juros, mas não só. Sendo um indicador processado anualmente, para calcular o valor mensal tem de dividir-se por 12 prestações. Se o cálculo for semestral, deve dividir-se esse valor por dois, ou quatro caso seja um valor trimestral. É importante salientar que esta taxa não inclui impostos nem outros encargos.
Os cartões de crédito com seguro de assistência em viagem cobrem despesas médicas, prolongamento de estadia por qualquer evento inesperado, envio de medicamentos para o estrangeiro, transporte ou repatriamento de falecidos e pessoas seguras acompanhantes e afins, enquanto outros oferecem seguros que cobrem a possibilidade de fraude e limitam a responsabilização do titular a 150 euros no momento prévio à comunicação da perda do cartão. No caso da proteção às compras, em caso de roubo, o cartão de crédito também pode apresentar algum género de cobertura. Não é só ao roubo que se limita a cobertura. Há seguros que podem ser ativados em caso de incêndios, tempestades e outras catástrofes.
Seguros de viagem, onde se incluem acidentes pessoais em viagem; responsabilidade civil; danos/ extravio de bagagem; cancelamento ou redução da viagem; e reboque do veículo.
Assistência em viagem, onde se incluem despesas médicas; transporte ida e volta e estadia familiar; prolongamento de estadia; envio de medicamentos para o estrangeiro; e transporte ou repatriamento de falecidos e pessoas seguras acompanhantes.
Outras coberturas, onde estão proteção ao crédito; proteção às compras; roubo do cartão; e roubo em ATM.

Já ajudámos milhares de portugueses a poupar.

Simulações realizadas nas últimas 24 horas.

Dicas de Finanças Pessoais exclusivas

Fique a par das últimas novidades financeiras e receba as melhores dicas sobre como poupar dinheiro ao subscrever a nossa newsletter.