FAQ Cartão de Crédito

A maioria das instituições financeiras em Portugal exigem que seja maior de idade e residente/cidadão permanente em Portugal. Precisa ainda de ter um emprego estável e atender aos requisitos mínimos salariais, que variam de acordo com o tipo de cartão de crédito. Para mais informação sobre esta matéria, aceda ao nosso guia de cartão de crédito.
O tempo de processamento de um pedido para obter um cartão de crédito varia de acordo com o seu emissor. Assim que o seu pedido seja aprovado, demorará cerca de 7 a 10 dias úteis até receber o seu cartão. Certifique-se de que enviou todos os documentos necessários para que o seu pedido seja processado rapidamente.
O período de aprovação varia de banco para banco, mas normalmente depois de enviar o seu pedido demora alguns dias a processar. Se o seu pedido for aceite, dentro de 7 a 10 dias úteis terá o seu cartão de crédito. Para evitar atrasos, é muito importante certificar-se que preencheu o formulário corretamente e que enviou todos os documentos necessários.
Os principais cartões de crédito em Portugal são concedidos, principalmente, a pessoas com um bom histórico de crédito. Para aumentar as suas hipóteses, precisa de começar a construir o seu histórico. No entanto, se está agora à procura do seu primeiro cartão de crédito, tem a oportunidade de se candidatar, pela primeira vez, a um cartão de crédito de uma loja ou empresa de combustível. Por outro lado, pode ainda começar a construir um histórico de crédito com um cartão de crédito caucionado. Para saber mais em relação a este assunto, pode ler o nosso guia de cartões de crédito.
Primeiro de tudo, precisa de pesquisar e estudar todas as ofertas disponíveis para si. Há alguns aspetos a ter em conta como taxas anuais, taxa anual efetiva global (TAEG), políticas de penalização, vantagens e outros benefícios oferecidos por um determinado cartão de crédito. Esta tarefa foi facilitada para os consumidores com a avançada ferramenta de comparação de cartões de crédito do ComparaJá.pt. Com apenas alguns cliques, pode facilmente comparar diferentes cartões de crédito em Portugal e ver qual é o mais adequado para si.
Um cartão de crédito caucionado requer que faça um depósito com o emissor do cartão de crédito. Em seguida, será emitido um limite de crédito que é o mesmo valor do seu depósito. Pague as suas contas a tempo com um cartão caucionado e, ao longo do tempo, você irá construir um histórico de crédito substancial e aumentar a possibilidade de obter a aprovação para um cartão de crédito.
Os bancos analisam a sua pontuação de crédito e os seus rendimentos para determinar o montante máximo de crédito a aplicar. Se o seu pedido for aprovado, o limite de crédito que um banco lhe fornece pode ser maior ou menor daquele que indicou no seu pedido. Se a sua pontuação de crédito for satisfatória, os bancos podem dar o limite máximo de crédito. Se achar que esse limite é muito elevado, pode conversar com o seu banco ou agência de crédito e pedir para reduzir o limite. Saiba mais sobre a pontuação de crédito ao ler o nosso guia de cartões de crédito.
Se, por outro lado, quiser um limite de crédito maior, pode ligar para o banco ou agência de crédito e solicitar a reavaliação do seu pedido. Na maior parte das vezes, terá de provar, inicialmente, que é um bom mutuário por ser responsável com os seus pagamentos mensais. Ao longo do tempo, a instituição financeira pode conceder-lhe um limite de crédito maior.
Se exceder o seu limite de crédito, a instituição financeira pode recusar a sua transação de pagamento. No entanto, algumas instituições permitem a conclusão da sua transação, ainda que tenha excedido o seu limite de crédito, mas pode ser cobrada uma taxa.
Sim, mas não pode enviar os pedidos de uma só vez. As instituições financeiras podem ter acesso às informações dos seus pedidos já existentes, assim como ao seu perfil de crédito. Ter muitos pedidos ativos ao mesmo tempo vai fazer com que pareça “desesperado(a)” e, assim, diminuir as suas hipóteses de ser aprovado.
A Taxa Anual Efetiva Global ou TAEG é o padrão utilizado para calcular o custo do crédito que deve ser cobrado pelo banco ou agência de crédito. Uma TAEG mais baixa não significa que pague menos juros no cartão de crédito, uma vez que os vários bancos utilizam métodos diferentes para o cálculo da taxa de juros anual. Você pode ter de pagar taxas diferentes para dois cartões com a mesma TAEG. Uma das razões para isto deve-se ao facto de que, por vezes, as instituições financeiras cobram juros sobre as transações em diferentes períodos.
Em Portugal as taxas podem ser fixas ou variáveis, dependendo do banco e do tipo de condições associadas ao cartão de crédito.
Uma taxa anual é o valor que terá de pagar à sua instituição financeira para a manutenção da sua conta de crédito. Alguns dos principais cartões de crédito renunciam esta taxa para assinantes.
Também conhecido como o período isento de juros, o período de carência abrange o tempo entre a declaração emitida até à sua data de pagamento, altura em que não lhe serão cobrados juros sobre as novas compras. Você terá de pagar o saldo total antes ou até à data de vencimento para ser capaz de desfrutar de 0% de juros nesse período.
A melhor forma de reduzir as taxas de juros é a partir da liquidação de todos os seus pagamentos mensais antes da data de vencimento. Lembre-se que o tempo de processamento varia de acordo com o método de pagamento e, por isso, é melhor certificar-se que o pagamento é feito a tempo.
Sim. Pode estar indicado no seu contrato de cartão de crédito que o banco tem autoridade para aumentar as taxas de juro a qualquer momento. No entanto, o emissor do cartão deve dar-lhe, pelo menos, 60 dias de antecedência para ter tempo suficiente de cancelar a sua conta, caso rejeite o aumento. Os bancos de Portugal são obrigados a conceder tempo suficiente aos consumidores que queiram cancelar o seu cartão de crédito, de forma a que possam liquidar os saldos pendentes.
O montante do pagamento mínimo é calculado de acordo com o seu saldo devedor. Esta informação, normalmente, está indicada na fatura do seu cartão de crédito. O pagamento mínimo pode advir de saldos devedores anteriores ou de qualquer saldo total que esteja acima do seu limite de crédito. Certifique-se que paga, pelo menos, o valor mínimo do seu extrato mensal, mas lembre-se que os juros serão cobrados em qualquer montante não pago, que será levada para a sua próxima fatura.
Efetuar apenas o pagamento mínimo sobre o saldo do cartão de crédito pode custar-lhe muito dinheiro. As taxas de juros anuais seriam aplicadas ao seu saldo devedor. Além disso, seria necessário mais tempo para saldar a sua dívida e quanto mais esperar, mais juros se acumulam. Idealmente, você deve liquidar o seu saldo mensal por completo a cada mês ou pelo menos pagar um pouco mais do que o mínimo.
Existem vários métodos para pagar as suas contas de cartão de crédito, incluindo serviços bancários online ou através de telefone ou e-mail. Pode, ainda, deslocar-se até à sua agência bancária para liquidar o saldo ou deduzi-lo automaticamente através de uma conta corrente.
O banco pode cobrar uma taxa se você pagar a sua fatura mensal depois a data de vencimento. No entanto, se for obrigado a fazer um pagamento atrasado devido a circunstâncias que fogem do seu controlo (como a sua fatura do cartão de crédito chegar tarde), as empresas de cartão de crédito podem renunciar a taxa de atraso.
Os assinantes de cartão de crédito em Portugal que fazem pagamentos de montantes fixos iniciais podem solicitar o reembolso dos seus pagamentos ou para compras efetuadas que não sejam satisfatórias para si. Os reembolsos estão sujeitos a um conjunto de regras determinadas pelo emissor do cartão de crédito.

Compare e adira em 3 passos

Porquê o ComparaJá.pt?

100% gratuita
Rápida e simples
Imparcial e independente

O ComparaJá.pt é o portal de referência dos portugueses na hora de escolher os melhores produtos financeiros para o seu perfil e necessidades. A nossa plataforma apresenta informações atualizadas e fidedignas de uma forma transparente e descomplicada.

Testimonial person
Foi através do ComparaJá.pt que consegui rapidamente comparar todas as ofertas de mercado e escolher a oferta que mais se enquadrava com o que pretendia.
Diogo Antunes, 29 anos, Montijo

Já ajudámos milhares de portugueses a poupar.

Simulações realizadas nas últimas 24 horas.

Dicas de Finanças Pessoais exclusivas

Fique a par das últimas novidades financeiras e receba as melhores dicas sobre como poupar dinheiro ao subscrever a nossa newsletter.

Últimos Artigos

Mantenha-se a par das mais recentes novidades do mundo financeiro e as melhores dicas de poupança.
Veja todos os artigos do nosso blog